AGENDA: Colóquio de Estudos Africanos acontece em São Carlos

PublishNews – 30/11/2010 – Redação

Evento será realizado na UFSCar e conta com a presença de pesquisadores que desenvolvem estudos em torno de textos literários de autores africanos e portugueses

 

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) sedia a 2ª edição do “Colóquio de Estudos Africanos” nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro. O objetivo do evento é promover o contato entre os pesquisadores e alunos, a fim de estabelecer os primeiros caminhos de pesquisa na área dos estudos africanos e literários. Participam a professora Laura Cavalcante Padilha, da Universidade Federal Fluminense, que tem experiência em Literaturas Africanas de Língua Portuguesa e é uma das principais formadoras dos pesquisadores e professores da área; e a professora Luci Ruas Pereira, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, que atua na área de literatura portuguesa, sobretudo no contexto da ficção contemporânea, entre outros. Para a programação completa, clique aqui.

 

Anúncios

ACERVO: Publicações do Ministerio de Educación del Ecuador (línguas indígenas)

Ministerio de Educación do Equador disponibilizou em seu site algumas publicações de cunho pedagógico orientadas para o ensino das línguas indígenas do país, desenvolvidas com apoio da DINEIB (Dirección Nacional de Educación Intercultural Bilingüe), dentre as quais:
  • Kichwa Kichwata Yachaymanta (Gramática Pedagógica Kichwa)
  • Manual de Metodología Enseñanza Kichwa
  • Gramática Awapit
  • Diccionario Sapara
  • Diccionario Chachi
  • Dicionario Kichwa
Os arquivos podem ser acessados pelo site abaixo:
Parabéns ao governo equatoriano pelo seu programa de educação intercultural bilíngue!
Att.,
Marcelo Jolkesky (para Etnolinguística.org)

 

ACERVO: Coleção PROPG – DIGITAL

Esta coleção surge em função da tradicional parceria entre a Pró-Reitoria de Pós-Graduação da UNESP – PROPG – e a Fundação Editora da UNESP, ambas responsáveis pelo lançamento de centenas de títulos e novos autores da Universidade em outros programas editoriais com suporte em papel. Sintonizada com as tecnologias da textualidade eletrônica e também com a transmissão gratuita de conhecimento gerado nas pesquisas da universidade pública, a Coleção PROPG-DIGITAL é também a primeira experiência da Fundação com o livro digital e será importante laboratório de novas iniciativas nesta área que conquista gradualmente seu lugar no imenso universo de possibilidades da publicação e da leitura acadêmica.

(IM)PERTINÊNCIAS DA EDUCAÇÃO – ISBN: 9788579830228
O TRABALHO EDUCATIVO EM PESQUISA
OLIVEIRA, MARIA LÚCIA DE (Org.)  

ADOLFO CAMINHA – ISBN: 9788579830334
UM POLÍGRAFO NA LITERATURA BRASILEIRA DO SÉCULO XIX
BEZERRA, CARLOS EDUARDO DE OLIVEIRA 

APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO HUMANO – ISBN: 9788598605999
AVALIAÇÕES E INTERVENÇÕES
VALLE, TÂNIA GRACY MARTINS DO (Org.) 

AYLLU ANDINO NAS CRÔNICAS QUINHENTISTAS – ISBN: 9788579830006
PORTUGAL, ANA RAQUEL 

CADÊ O BRINCAR? – ISBN: 9788579830235
DA EDUCAÇÃO INFANTIL PARA O ENSINO FUNDAMENTAL
BARROS, FLÁVIA CRISTINA OLIVEIRA MURBACH DE 

CARLOS OCTAVIO BUNGE E JOSÉ INGENIEROS – ISBN: 9788598605982
ENTRE O CIENTÍFICO E O POLÍTICO. PENSAMENTO RACIAL E IDENTIDADE NACIONAL NA ARGENTINA (1880-1920)
GREJO, CAMILA BUENO 

CARTOGRAFIAS DO ENVELHECIMENTO NA CONTEMPORANEIDADE – ISBN: 9788579830037
VELHICE E TERCEIRA IDADE
CORREA, MARIELE RODRIGUES 

CHUVAS E AS MASSAS DE AR NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL, AS – ISBN: 9788579830020
ESTUDO GEOGRÁFICO COM VISTA A REGIONALIZAÇÃO CLIMÁTICA
ZAVATTINI, JOÃO AFONSO 

CIRCOS E PALHAÇOS BRASILEIROS – ISBN: 9788579830211
BOLOGNESI, MARIO FERNANDO 

COMPLEXIDADE DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES – ISBN: 9788598605975
SABERES TEÓRICOS E SABERES PRÁTICOS
SILVA, MARILDA DA 

CONSTRUÇÃO DO PERFIL DO ASSISTENTE SOCIAL NO CENÁRIO EDUCACIONAL – ISBN:9788579830389
PIANA, MARIA CRISTINA 

CRESCIMENTO ECONÔMICO NO ESTADO DE SÃO PAULO – ISBN: 9788579830136
UMA ANÁLISE ESPACIAL
VIEIRA, RODRIGO DE SOUZA 

CULTURA GAÚCHA E SEPARATISMO NO RIO GRANDE DO SUL – ISBN: 9788579830082
LUVIZOTTO, CAROLINE KRAUS 

DA PRODUÇÃO AO CONSUMO – ISBN: 9788579830075
IMPACTOS SOCIOAMBIENTAIS NO ESPAÇO URBANO
ORTIGOZA, SILVIA APARECIDA G. E CORTEZ, ANA TEREZA C. (Orgs.) 

DEMOCRACIA IMPRESSA, A – ISBN: 9788579830129
TRANSIÇÃO DO CAMPO JORNALÍSTICO E DO POLÍTICO E A CASSAÇÃO DO PCB NAS PÁGINAS DA GRANDE IMPRENSA 1945-1948
SILVA, HEBER RICARDO DA 

DESIGN E ERGONOMIA – ISBN: 9788579830013
ASPECTOS TECNÓLOGICOS
PASCHOARELLI, LUIS CARLOS E MENEZES, MARIZILDA DOS SANTOS 

DESIGN E PLANEJAMENTO – ISBN: 9788579830426
ASPECTOS TECNOLÓGICOS
MENEZES, MARIZILDA DOS SANTOS E PASCHOARELLI, LUIS CARLOS 

DICIONÁRIO DE DERMATOLOGIA – ISBN: 9788579830341
BARROS, LÍDIA ALMEIDA (Org.) 

DIPLOMACIA DA AMERICANIZAÇÃO DE SALVADOR DE MENDONÇA (1889-1898), A – ISBN:9788579830068
PEREIRA, GABRIEL TERRA 

EDUCAÇÃO PERMANENTE EM SAÚDE PARA OS TRABALHADORES DO SUS – ISBN: 9788579830099
SARRETA, FERNANDA OLIVEIRA 

EMPRESAS FAMILIARES NA CIDADE DE FRANCA – ISBN: 9788579830372
UM ESTUDO SOB A VISÃO DO SERVIÇO SOCIAL
LIMA, MARIA JOSÉ DE OLIVEIRA 

ENSINO DA FILOSOFIA NO LIMIAR DA CONTEMPORANEIDADE – ISBN: 9788598605951
O QUE FAZ O FILÓSOFO QUANDO SEU OFÍCIO É SER PROFESSOR DE FILOSOFIA?
GELAMO, RODRIGO PELLOSO 

ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA I – ISBN: 9788579830044
TEMAS SOBRE FORMAÇÃO DE PROFESSORES
NARDI, ROBERTO (Org.) 

ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA II – ISBN: 9788579830419
TEMAS SOBRE FORMAÇÃO DE CONCEITOS
CALDEIRA, ANA MARIA DE ANDRADE (Org.) 

EVOLUÇÃO RECENTE DO SETOR BANCÁRIO NO BRASIL, A – ISBN: 9788579830396
CAMARGO, PATRÍCIA OLGA 

FORMAÇÃO CULTURAL DOS JOVENS DO MST, A – ISBN: 9788579830433
A EXPERIÊNCIA DO ASSENTAMENTO MÁRIO LAGO, EM RIBEIRÃO PRETO (SP)
FIRMIANO, FREDERICO DAIA 

FRAGMENTOS DO CONTEMPORÂNEO – ISBN: 9788579830051
LEITURAS
MOTTA, SÉRGIO VICENTE E BUSATO, SUSANNA (Orgs.) 

FRANCISCO BRENNAND – ISBN: 9788579830402
ASPECTOS DA CONSTRUÇÃO DE UMA OBRA EM ESCULTURA CERÂMICA
LIMA, CAMILA DA COSTA 

HISTÓRIA E COMUNICAÇÃO NA NOVA ORDEM INTERNACIONAL – ISBN: 9788598605968
VICENTE, MAXIMILIANO MARTIN 

INDEXAÇÃO DE LIVROS, A – ISBN: 9788579830150
A PERCEPÇÃO DE CATALOGADORES E USUÁRIOS DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS
FUJITA, MARIÂNGELA SPOTTI LOPES (Org.) 

INTERFACES DO DIREITO AGRÁRIO E DOS DIREITOS HUMANOS E A SEGURANÇA ALIMENTAR – ISBN: 9788579830143
MANIGLIA, ELISABETE 

IRONIA E SUAS REFRAÇÕES, A – ISBN: 9788579830259
UM ESTUDO SOBRE A DISSONÂNCIA NA PARÓDIA E NO RISO
ALAVARCE, CAMILA DA SILVA 

LAURINDO ALMEIDA – ISBN: 9788579830358
DOS TRILHOS DE MIRACATU ÀS TRILHAS EM HOLLYWOOD
FRANCISCHINI, ALEXANDRE 

LINGUAGEM, EDUCAÇÃO E VIRTUALIDADE – ISBN: 9788579830174
EXPERIÊNCIAS E REFLEXÕES
SOTO, UCY – MAIRYNK, MÔNICA FERREIRA – GREGOLIN, ISADORA VALENCISE (Orgs.) 

LIRA DISSONANTE – ISBN: 9788579830266
CONSIDERAÇÕES SOBRE ASPECTOS DO GROTESCO NA POESIA DE BERNARDO GUIMARÃES E CRUZ E SOUZA
SANTOS, FABIANO RODRIGO DA SILVA 

PAIXÕES HUMANAS EM THOMAS HOBBES, AS – ISBN: 9788579830242
ENTRE A CIÊNCIA E A MORAL, O MEDO E A ESPERANÇA
SILVA, HÉLIO ALEXANDRE DA 

PERCURSO DA INDIANIDADE NA LITERATURA BRASILEIRA, O – ISBN: 9788579830204
MATIZES DA FIGURAÇÃO
SANTOS, LUZIA APARECIDA OLIVA DOS 

PERCURSO DOS GÊNEROS DO DISCURSO PUBLICITÁRIO, O – ISBN: 9788579830112
UMA ANÁLISE DAS PROPAGANDAS DA COCA-COLA
CAMPOS-TOSCANO, ANA LÚCIA FURQUIM 

POLÍTICAS DE SEGURANÇA PÚBLICA NO ESTADO DE SÃO PAULO – ISBN: 9788579830198
SITUAÇÃO E PERSPECTIVAS A PARTIR DAS PESQUISAS DO OBSERVATÓRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA DA UNESP
SOUZA, LUÍS ANTÔNIO FRANCISCO DE 

PROBLEMA DA MOTIVAÇÃO MORAL EM KANT, O – ISBN: 9788579830167
SOUZA, HÉLIO JOSÉ DOS SANTOS 

RECOMEÇAR – ISBN: 9788579830365
FAMÍLIA, FILHOS E DESAFIOS
OLIVEIRA, NAYARA HAKIME DUTRA DE 

REPRESENTAÇÕES, JORNALISMO E ESFERA PÚBLICA DEMOCRÁTICA – ISBN: 9788579830181
SOARES, MURILO CÉSAR 

TECNOLOGIA E GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL – ISBN: 9788579830105
MENSURAÇÃO DA INTERAÇÃO COM A SOCIEDADE
SANT’ANA, RICARDO CÉSAR GONÇALVES 

VOZES FEMININAS NA POESIA LATINO-AMERICANA – ISBN: 9788579830327
CECÍLIA E AS POETISAS URUGUAIAS
SILVA, JACICARLA SOUZA DA 

EVENTOS: 54 ICA – Call for Symposia – Convocatoria Simposios

54 CONGRESO INTERNACIONAL DE AMERICANISTAS
“CONSTRUINDO DIÁLOGOS NAS AMÉRICAS”

VIENA, ÁUSTRIA, JULHO 15-20, 2012

Bem-vindos ao site do 54 Congresso Internacional de Americanistas (ICA), que terá lugar em Viena, Áustria, em Julho do 2012, sob o lema Construindo diálogos nas Américas. Até a abertura do Congresso, o nosso site vai ser atualizado regularmente com avisos de importância e outras notícias relevantes. Através desta página web todas as pessoas interessadas poderão submeter propostas de simpósios e de palestras, fazer a inscrição ou procurar informações úteis sobre o evento.

Esperamos com prazer sua visita para o nosso site e muito especialmente a sua participação no 54 Congresso do ICA em Viena.

Please find attached the First Newsletter of the 54 ICA with all the relevant dates, deadlines and information. For current updates, please consult our website http://ica2012.univie.ac.at.

With best regards

The Organizing Committee of the 54 ICA

Tema do Congresso

Construindo diálogos nas Américas

Os estudos da Americanística caracterizam-se por uma rica variedade de questões ontológicas, epistemológicas e metodológicas. Desde os seus alvores, os americanistas fizeram do ICA seu ponto de encontro para a discussão de estudos empíricos e normativos, de políticas liberais e conservadoras, de perspectivas positivistas e pós-positivistas, assim como de propostas teóricas e de ação, entre outros muitos assuntos. Enquanto que a necessária especialização tem resultado numa separação às vezes artificial, com ela pretendemos facilitar o intercâmbio daqueles conhecimentos, problemáticas, métodos e pontos de vista que contribuam para a promoção de diálogos dinâmicos e frutíferos.

Pretendemos, portanto, promover a autoreflexão e estimular o diálogo transdisciplinar. Por consequência, animamos a submissão de propostas de simpósios que enfatizem as inter-relações entre as disciplinas, os campos de estudo, as teorias e metodologias.

Por esta razão, convidamos os americanistas a submeter propostas de simpósios em alguma das seguintes áreas temáticas:

Áreas temáticas

Antropologia repensada para estudar as sociedades contemporâneas

Com novo prefácio, e acrescido de mais um capítulo, é reeditado pela Editora Unesp o livro Antropologia das sociedades contemporâneas: métodos. Por se encontrar esgotado há muito tempo, o livro volta às livrarias após 23 anos da sua primeira edição, já que os textos, organizados por Bela Feldman-Bianco, continuaram sendo um eficiente recurso de consulta, reunindo importantes estudos que mesmo com o passar dos anos mantinham-se atuais em suas discussões e temáticas.

O objetivo do livro é pensar a reformulação de uma antropologia voltada para as tradicionais sociedades primitivas para olhar e entender as rápidas mudanças provocadas pela industrialização e urbanização, questão essa abordada principalmente na primeira parte do livro, no artigo de S.F. Nobel. Na segunda parte, encontram-se textos acerca dos ‘quase grupos’, redes sociais, amizades e coalisões. Por fim, o livro dedica-se aos processos sociais e à História por meio de autores como Max Gluckman, cujo texto essencial aos estudos dessa área é tido como “fundador de um estilo de fazer antropologia, desenvolvido na ‘Escola de Manchester’ que privilegia a observação, descrição e análise de situações sociais concretas”, como afirma Peter Fry.

Esta antologia inclui estudos de etnógrafos em sua maioria ingleses, cujas pesquisas de campo foram realizadas na África, Ásia e Europa durante um período que caracteriza uma mudança de direção nos estudos antropológicos. O foco deixa de ser as sociedades particulares, para se priorizar o estudo minucioso e cuidadoso das sociedades contemporâneas. Incluindo processos de mudanças sociais e as problemáticas inseridas nesse novo contexto.

Sobre a organizadora – Bela Feldman-Bianco possui PHD em Antropologia pela Columbia University, com pós-doutorado em História por Yale, leciona na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) onde também dirige o Centro de Estudos de Migrações Internacionais (CEMI). Tem extensa experiência de pesquisa de campo e documental no Brasil, Estados Unidos e Portugal sobre questões relacionadas a cultura e poder, com ênfase nas relações entre nação, raça e diásporas em perspectiva comparativa.

Título: Antropologia das sociedades contemporâneas – Métodos
Organizadora: Bela Feldman-Bianco
Páginas: 524
Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 65,00
ISBN: 978-85-7139-936-5
Data de publicação: 2010

Os livros da Fundação Editora da Unesp podem ser adquiridos pelo telefone (11) 3107-2623 ou pelos sites:

www.editoraunesp.com.br ou www.livrariaunesp.com.br

Candomblé: tradição e resistência

“Biblioteca Fazendo História” debate o tema no dia 16 de novembro

Os brasileiros estão acostumados a termos como axé, afoxé e babalorixá. Mas nem todo mundo sabe que a origem deles está no candomblé nagô, divulgado por Pierre Verger, Roger Bastide e Nina Rodrigues. A religiosidade africana assumiu diversas formas no país e, apesar de ainda estar envolta por certo mistério, vem ganhando força com novos filmes, livros e pesquisas. O Biblioteca Fazendo História do mês de novembro debaterá o tema “Candomblé: tradição e resistência” com Yvonne Maggie, professora da UFRJ, e Juliana Barreto Farias, jornalista e historiadora. A série de debates, com entrada franca, acontece sempre no auditório Machado de Assis da Fundação Biblioteca Nacional. Acompanhe também a transmissão simultânea do evento pelo site do Instituto Embratel: www.institutoembratel.org.bre a cobertura pelo twitter: www.twitter.com/rhbn.

Participe e ajude a realizar esse encontro histórico!

Dia 16 de novembro, às 16h, Auditório Machado de Assis, Biblioteca Nacional. R. México, s/nº. Entrada franca. Conferimos certificados de participação.

Fonte: Carolina Rocha – REVISTA DE HISTÓRIA DA BIBLIOTECA NACIONAL

Parecer do CNE contra livro de Lobato é alvo de crítica

FNLIJ e escritores contra o Conselho Nacional de Educação

 

PublishNews – 08/11/2010 – Redação

E o livro Caçadas de Pedrinho está dando o que falar. Depois de a Academia Brasileira de Letras se manifestar contra o parecer do Conselho Nacional de Educação (veja nota), que pedia que o livro de Monteiro Lobato não fosse mais adotado nas escolas por seu conteúdo supostamente racista, escritores como Ana Maria Machado, Lygia Bojunga, Pedro Bandeira, Ziraldo e outros mostraram-se contra a decisão, que ainda espera homologação do MEC (confira o texto). E neste fim de semana, a Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) divulgou carta enviada ao ministro da Educação Fernando Haddad solicitando que o órgão “defenda o valor da literatura como bem inestimável da cultura humana, não homologando o parecer do CNE”.

Leia mais.

ACERVOS: Etnolinguistica.Org

Trata-se de um repositório de informações sobre línguas indígenas sul-americanas, incluindo teses e dissertações, artigos de acesso aberto, matérias jornalísticas, cadastro de pesquisadores e diversos outros recursos.

Este é um espaço destinado a promover o intercâmbio de idéias entre profissionais dedicados ao estudo das línguas e culturas indígenas da América do Sul e a oferecer, ao público interessado, informações atuais sobre pesquisas nesta área (bem como em áreas afins tais como arqueologia, etnografia, história, etnobotânica etc.). Entre os recursos aqui disponíveis, incluem-se:

Assine nossa lista de discussão.

Uma lista de discussão, em que se divulgam eventos e recursos da área e se discutem tópicos de pesquisa com línguas indígenas sul-americanas, bem como tópicos gerais particularmente interessantes para os estudiosos de línguas indígenas.

Clique aqui para sugerir novos links.

Uma coletânea de links para páginas contendo informações atualizadas sobre periódicosteses, matérias publicadas na mídia nacional e internacional, além de vários websites de interesse.

Cadernos de Etnolingüística

Um periódico eletrônico, Cadernos de Etnolingüística (ISSN 1946-7095), destinado a divulgar contribuições originais sobre línguas indígenas sul-americanas, incluindo artigos, resenhas, notas preliminares de pesquisa e documentos inéditos (ou de circulação até o momento limitada).

Biblioteca Digital Curt Nimuendaju

Biblioteca Digital Curt Nimuendaju, uma compilação eletrônica de livros e artigos de difícil acesso sobre línguas e culturas indígenas da América do Sul.

cadastro.png

As informações aqui fornecidas são integradas a nosso cadastro de pesquisadores de línguas indígenas sul-americanas, que inclui no momento 117 perfis. Caso você ainda não esteja cadastrado, participe!

 
Participe

Ajude a manter o site atualizado, sugerindo novos links ou atualizando links antigos. Para informar-se sobre novidades no site, acompanhe-nos no Twitterou assine nossa lista de discussão.
Assine
Etnolingüística é uma lista de discussão sobre as línguas indígenas da América do Sul. Para assiná-la, visite o site e forneça seu e-mail.

ACERVOS: Editorial Abya-Yala (University of New Mexico)

O repositório digital da UNM (University of New Mexico) disponibilizou recentemente para download 315 obras do editorial Abya-Yala, muitas delas versando sobre assuntos relacionados aos povos indígenas sul-americanos (etnologia, arqueologia, etnobotânica, história, política, educação, etc.). A coleção pode ser acessada aqui.

EDITAIS: Vitória abre edital de seleção para a instalação de cinco Pontos de Cultura

Os Pontos de Cultura existem em todo o País. Na foto, registro de uma oficina realizada em 2009 numa aldeia Guarani em Bertioga-SP.

Um momento histórico para a cultura de Vitória. A Secretaria Municipal de Cultura (Semc) abriu edital para seleção de instituições da sociedade civil sem fins lucrativos para apresentarem propostas à edição municipal do Programa Mais Cultura do Ministério da Cultura (MinC), que prevê a implementação de cinco Pontos de Cultura na Cidade. O período da inscrição vai até 14 de dezembro deste ano. O Ponto de Cultura deverá funcionar como um instrumento de pulsão e articulação de ações e projetos já existentes nas comunidades de Vitória, desenvolvendo ações continuadas em, pelo menos, uma das áreas de Culturas Populares; Grupos Étnico-Culturais; Patrimônio Material; Audiovisual e Radiodifusão; Culturas Digitais, Gestão e Formação Cultural; Pensamento e Memória; Expressões Artísticas; e/ou Ações Transversais. “Esse editalvem para somar às políticas culturais da Vitória. Os Pontos de Cultura são mais um mecanismo de resguardo e respeito à diversidade de manifestações e atividades culturais desenvolvidas em nossa cidade”, ressalta o secretário municipal de Cultura, Alcione Pinheiro. A proposta do Ponto de Cultura deve ser enviada à Semc por meio do protocolo geral da Prefeitura, que funciona de segunda a sexta-feira, de 8h às 18h. Toda a lista de documentos assinados pelos seus representantes legais a serem apresentados no ato da inscrição consta no edital publicado nos Atos Oficiais do Poder Executivo ou em www.vitoria.es.gov.br/semc. Os modelos destes documentos, bem como formulários e instruções de preenchimento, encontram-se no edital e também estarão disponíveis na Secretaria, que fica na rua 13 de Maio, 47, Centro.

%d blogueiros gostam disto: